Postura ao dormir pode determinar uma boa ou má noite de sono

24 de junho

Despertar com dor no corpo e sensação de cansaço pode atrapalhar o dia de qualquer pessoa. Muitos consideram o repouso algo simples. Basta deitar-se na cama, apoiar a cabeça no travesseiro e pronto, teremos uma noite de sono revigorante, mas isso nem sempre é uma verdade.

A tensão que os músculos sofrem durante as horas de trabalho, as atividades físicas e rotinas da casa também prejudicam o repouso. Por isso, o fisioterapeuta e especialista em Reeducação Postural Global (RPG), do IBCC Formosa, Mauricio Nunes Bandeira, aconselha “tentar relaxar a musculatura que foi utilizada no decorrer do dia por meio de um alongamento que alivie as partes mais tensionadas pode evitar os problemas corporais ao levantar“, diz Maurício.

A postura correta para dormir é adotar uma posição que mantém a curvatura na região lombar e deixa a coluna em posição neutra. O recomendado é dormir de lado ou de barriga para cima, sempre mantendo a coluna, o pescoço e a cabeça alinhados. Evitar dormir do seu lado direito pois atrapalha na sua digestão e pode causar refluxos, uma vez que o estômago fica ao contrário.

O fisioterapeuta acrescenta ainda que a qualidade do sono afeta o funcionamento do corpo de diversas maneiras. Segundo ele quando a pessoa não dorme, ou não o faz de uma maneira adequada, o organismo libera substâncias como adrenalina e cortisol, que são consideradas respostas de situações de estresse, a pressão sanguínea aumenta e o metabolismo se desregula. Isso afeta o apetite, o que pode ocasionar ganho de peso e ainda as dores nas costas e o desconforto no pescoço.

O especialista lembra que dormir mal ou pouco gera uma série de problemas para a saúde. “Temos algumas consequências imediatas como mau humor, estresse, dor de cabeça, dor no pescoço e na coluna, além de fadiga e cãibras musculares”. revela.

Outro ponto delicado e que merece atenção é a escolha do colchão e do travesseiro. “O colchão deve ceder de forma a acompanhar a curvatura do corpo e o travesseiro deve permitir que o pescoço fique reto. E se junto a isso a pessoa conseguir conciliar com   uma meditação antes de dormir, desligar telefone e tv no mínimo 30 minutos antes de dormir também contribui para uma melhor noite de sono”, destaca.

Para diminuir o desconforto se houver uma má noite de sono, Maurício, recomenda “evite dormir em posições que distorcem o alinhamento natural da coluna vertebral e ao acordar sempre se alongue”, explica.

© 2020 IBCC Oncologia | RT: Dr Walter Galvão CRM 112.793