Medição de temperatura na testa com feixe de luz não causa danos à saúde

28 de setembro

Não há contraindicações para medir a temperatura através dos termômetros que emitem feixe de luz na testa, isso porque é emitido apenas um feixe de luz que não causa danos à pele ou em qualquer estrutura corporal, segundo o neurologista do IBCC Oncologia, Dr. Flávio Augusto Sekkef. “Sugere-se manter alguns centímetros da testa para facilitar a leitura da temperatura e torná-la mais fidedigna, mas não há danos ou contraindicação. A medida é feita através de feixes de ondas ultravioletas, não laser. O feixe, ao retornar ao aparelho, permite a mensuração da temperatura”, explica o neurologista.

Muitas informações equivocadas circulam sobre essa medição estar associada por afetar a glândula pineal, responsável, entre outras funções, pela produção da melatonina, hormônio responsável por iniciar o sono, porém, não existem danos relacionados.

© 2020 IBCC Oncologia | RT: Dr Walter Galvão CRM 112.793