Momento de gratidão: como uma carta de agradecimento mexe com toda equipe que presta cuidado ao paciente

5 de março

Declaração é reconhecimento do atendimento humanizado

O IBCC Oncologia recebe em média mil pacientes todos os dias para diferentes tipos de atendimento. Um deles, é a Julieta Bento, 71 anos, que faz tratamento contra um câncer na região do intestino grosso desde o final de 2019. Após passar por 30 sessões para o tratamento, incluído 28 séries de radioterapia e duas de quimioterapia, a professora de educação infantil destacou o atendimento humanizado que recebeu. “A coisa que me chamou mais atenção foi quando cheguei e uma das meninas me deu a mão e eu estava completamente perdida. Tinha a impressão der estar em um labirinto. Eu não sabia onde estava e pensava ‘o que vou enfrentar meu Deus?’. Essa menina me deu a mão e disse: ‘pode vir por aqui, venha, não tenha medo, fique tranquila porque vai dar tudo certo e não vai doer’. E todos os profissionais agiram assim comigo. Com esse cuidado, com esse carinho. Tanto as enfermeiras e médicos, como os profissionais da Radioterapia que ficaram comigo por mais de 30 dias”, destacou.

Para a surpresa dos profissionais do Hospital, ela entregou na Radioterapia uma carta de agradecimento à diretoria da instituição, em que ressalta o atendimento recebido. “Quero dizer que vocês são importantes. Nunca se esqueçam disso”, uma das frases descritas na carta.

Na sexta-feira (14), Julieta teve retorno no IBCC Oncologia, antes de voltar para a cidade em que mora, Botucatu, a 235 quilômetros de São Paulo e recebeu a equipe de Comunicação do Hospital. Julieta explica que a carta foi uma maneira de agradecer todos os envolvidos no tratamento que teve e para valorizar o trabalho de toda a equipe. Após sucesso no tratamento que teve, ela volta para Botucatu.

O IBCC Oncologia agradece o carinho recebido pela Julieta Bento.

Leia a carta na íntegra

“Aos profissionais do IBCC

A sensação de estar caminhando para o tratamento e com muitas dúvidas encontramos pessoas que nos ajudam a tornar menos dolorosas e impactantes a nossa luta pela saúde.

São pessoas que assistem a dor dos outros e com sua eficiência, empatia e calor humano chegam até nós para aliviar a dor física, emocional e psicológica.

Essa solidariedade humana acende em nós pacientes o otimismo, a esperança para alcançar a cura.

Então posso dizer com experiencia do tratamento o quanto vocês são importantes. O trabalho humano feito por uma equipe, ajuda uma boa parte da cura.

A família se torna a estrutura, o apoio. Enfim ameniza a nossa dor de pensar de também estarem sofrendo conosco.

Nunca se esqueçam vocês são ‘IMPORTANTES’ e agradecemos esse calor humano não só em palavras, mas ao fazer oração e dizer:

‘Senhor abençoai essas criaturas maravilhosas que aqui estão para auxiliar nos ’. Amém.”


Julieta Bento, 10/02/2020

© 2020 IBCC Oncologia | RT: Dr Walter Galvão CRM 112.793